segunda-feira, 11 de junho de 2012

O Amor está no ar


Sid Vicious e sua namorada Nancy

Criado para vender produtos que, em outras épocas, encalhariam nas prateleiras, o Dia dos Namorados é inspirado em um padre "porreta" da idade média.

Por Diego Calvo
Foto (não achei de quem é)
-->

O dia dos namorados é um dia lindo, com filas enormes para entrar em motéis, longas horas de espera para uma refeição a dois e shoppings
lotados para ver filmes de romance. Outra particularidade do dia dos namorados,
são as brigas, pois muitos (depois de anos de relacionamento) se esquecem de
comprar aquela “lembrancinha”.

Então, meu caro, você sabe de onde vem este dia de consumo disfarçado em “data do amor”?

No mundo a fora, esta data é comemorada em 14 de fevereiro, dia da morte de São Valentim. Valentim era um bispo “amoroso” que viveu nos anos do imperador Cláudio II. O tal imperador, vendo seu país em guerra, proibiu o casamento por acreditar que jovens solteiros eram mais propícios a se alistar no exército.

Contra as ordens, o bispo realizou casamentos na surdina, incluindo, o seu próprio matrimonio. Descoberto, foi preso. Lá, o “safadinho” e caliente Valentim, se apaixonou pela filha cega de um dos carcereiros, concedendo, até, um milagre, fazendo-a enxergar novamente.

Morto, pois na época não era costume manter as pessoas presas por muito tempo, a igreja católica, mais 
tarde, o considerou um mártir e, depois, santo.

A partir daí, a data de sua morte foi conectada a festas pagãs que celebravam a fertilidade, criando, o dia dos namorados.

Um comerciante paulista (tinha de ser), vislumbrou, em uma viagem a setores anglo saxões, a ideia de trazer o dia para o Brasil, aumentando assim, as ofertas do comércio. A data escolhida foi 12 de junho, por ser véspera do dia de Santo Antônio (o santo casamenteiro).

E assim criou-se o dia mais amado e odiado pelos brasileiros. Um dia para esquentar os corações de quem tem um amor, para enervar quem está encalhado e para encher o bolso dos lojistas. Vai uma dica, mais vale um beijo na boca que um casaco de peles e um anel de diamantes (desculpa de quem não tem dinheiro!).  

Nenhum comentário:

Postar um comentário